sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Catálogo de Heróis Brasileiros Vol.01



O faneditor e ilustrador Bartomeu Martins (também conhecido como Lancelot) acaba de lançar a primeira edição de seu catálogo de heróis para download. O catálogo ricamente ilustrado traz boa parte do material disponível no HQ Quadrinhos, um blog que desde 2008 publica perfis de personagens e matérias relacionadas aos quadrinhos clássicos.

Neste primeiro volume o foco é o herói brasileiro, Bartolomeu entrevistou vários dos autores para conseguir as informações que divulga nos profiles. Outras pesquisas foram feitas via internet, coleções particulares, sebos e lojas especializadas. Reunindo dados sobre a criação dos heróis, ano de publicação, aparições, poderes e origem o escritor também infere sobre a relevância dos criadores, sua linha de trabalho e influencias. As fichas dos heróis estão dispostas em ordem alfabética e, democraticamente, o autor compilou personagens clássicos e modernos tendo sido publicados em revistas, fanzines ou internet.

O trabalho autenticamente realizado em função de sua afinidade com os quadrinhos poderia ser ainda mais específico e ainda mais detalhado, entretanto há de se observar que foi feito sem fins lucrativos e por um único autor.

Um show à parte no catálogo são as belas ilustrações de Lancelot que apresentam os personagens em sua versão mais clássica e visual original e algumas vezes uma versão modernizada.

Os personagens brasileiros de HQs normalmente morrem junto com seus autores. Ficam eternizados nas HQs publicadas, mas após o falecimento do criador jamais reaparecem em novas HQs ou em publicações (exceto alguns raríssimos casos e mesmo assim todos ligados à publicações alternativas). Este é mais um entre tantos outros fatos que enfraquecem os personagens brasileiros (e não apenas aqueles do gênero Heróis Uniformizados). Se por um lado não podemos reencontrar esses personagens em novas, inéditas e atualizadas aventuras, pelo menos podemos saber de sua existência. É neste quesito em que o catálogo criado por Bartolomeu Martins ganha muitos pontos ao resgatar a memória de autores e personagens que não estão mais entre nós e que ficarão registrados na mente dos novos leitores e na história das histórias em quadrinhos graças a esta iniciativa.

Para baixar gratuitamente o catálogo clique aqui.

Para conhecer o trabalho de Lancelott e as fichas de heróis brazucas, heróis da golden age e outros artigos clique aqui.

6 comentários:

  1. JJ,
    FICO MUITO GRATO POR SUAS MARAVILHOSAS PALAVRAS... Nosso objetivo é registrar a existência do personagem na HQBR e sua contribuição para o "sonho de voar"... Nossa visão primeira, é a de um fã que cresceu ouviundo e lendo quadrinhos, sem a preocupação acadêmica com a forma literária. Em segundo, sabemos da leitura subliminar que a Arte Sequencial propicia a qualquer bom "arqueólogo", desde sentir os movimentos socio-políticos bem como os aspectos do próprio entretenimento e o alcance que esta forma literata provoca nos leitores...Nossa pretenção é de apenas, tão somente, manifestar um preito de gratidão aos criadores, com esta pequena obra... Faço, então, deste seu manifesto, a apresentação da obra. Grato.

    Lancelott

    ResponderExcluir
  2. Espero que goste de meus Desenhos
    http://wwwmsstudiotwotextoeimagem.blogspot.com/
    http://fotolog.terra.com.br/capitaobrasil/

    ResponderExcluir
  3. Realmente excelente a iniciativa do Lancelot, já estou baixando e em breve comento o que achei do material.
    Mas deixo uma pergunta: o mercado de quadrinhos de heróis no Brasil existe e é grande, mas dominado pelas editoras americanas. Muitos dos desenhistas que trabalham para essas editoras sao brasileiros, então o que falta para que os quadrinhos nacionais façam sucesso no Brasil? Credibilidade? Investimento?

    ResponderExcluir
  4. Enquanto houver profissionais inteligentes como Lancelot, psquisando e resgatando as histórias em quadrinhos brasileiras, esta arte sempre terá seu destaque no mercado. Já baixei o Catálogo. É excelente!

    ResponderExcluir
  5. JJ,
    Wilde Portella é um dos mais modestos Mestres da HQ Brasileira... Foi "o cara" que deu vida a CHET e divide sempre seus louros com muita humildade... Um Mestre se conhece assim! Fico honrado por este comentário de Wilde. Muito grato.
    Lancelott

    ResponderExcluir